Utilizamos cookies propias e de terceiros para mellorar os nosos servizos e obter información estadística.

Se continúa a navegar, consideramos que acepta o seu uso.

Para obter máis información e saber como cambiar a configuración prema aquí.

Santiago de Compostela. Galiza
+34 669 419 048 · laiovento@laiovento.com

A REMODELAÇÃO “FEDERAL-CONFEDERAL” DO REINO DA ESPANHA

As democracias de base plurinacional não têm sabido articular correctamente a igualdade da cidadania jurídico-política com o reconhecimento da diversidade étnica e nacional das suas populações.

Este livro é um intento de dar uma resposta a essa insuficiência, presente também no caso do Estado espanhol, ao propor um modelo "federal-confederal" de Estado, que –decidido desde o exercício do direito de autodeterminação por parte das populações das quatro nações existentes no interior do Reino da Espanha– trata de harmonizar o quadro do Estado (como inicial âmbito territorial de referência), a realidade plurilingue e plurinacional do mesmo e os valores de um sistema político democrático multicultural avançado.

O modelo institucional “federal-confederal” que se propõe tem em si mesmo coerência lógica interna, é intelectualmente concebível e é factível na prática.

Os redactores do documento de trabalho da Declaração de Barcelona poderiam achar –na explicação e justificação da proposta “federal-confederal” que contém esta obra– a fundamentaçao teórica do modelo ao que, sem ser consciente de tal objectivo, parecia visar de forma confusa aquela, à primeira vista, contraditória expressão de “Estado de tipo confederal”, de dito documento de trabalho.

Titulo: A REMODELAÇÃO “FEDERAL-CONFEDERAL” DO REINO DA ESPANHA

Autor: Xavier Vilhar Trilho

Catálogo Xeral, 153

Santiago, 2001

488 páxinas

ensaio

peto 14x21cm

ISBN: 84-89896-94-1

CINCUENTA DÉCIMAS CONTRA DON DIEGO DE ZERNADAS
A INVENCIÓN DUN DEUS. XESÚS DE NAZARET
EDUARDO PONDAL, O CANTOR DO EIDO NOSO
MUDANÇA POLÍTICA E SISTEMAS CULTURAIS EM TRANSIÇOM
FIN DE FESTA
O DERRADEIRO DÍA DUN CONDENADO / CLAUDE GUEUX
AS ARTES DA VIDA DE ÁNXEL HUETE
MICROEFECTOS DRAMATÚRXICOS
DA IDENTIDADE À NORMA
O TTIP
ACTA DE VÍTIMAS
RAMÓN DEL VALLE-INCLÁN ENTRE GALIZA E MADRID 1912-1925
© Edicións Laiovento, 2016 · todos os dereitos reservados · privacidade · política de cookies · condicións de uso